terça-feira, 13 de setembro de 2011

1 Litro de Lágrimas [Ichi Rittoru No Namida]



     Oi pessoal, hoje não vim falar de RAFE, nem trazer algum tutorial que eu tenha gravado e nem falar de algum manga ou anime. Vim pra falar do dorama (drama) que eu terminei de assistir ontém, 1 Litro de Lágrimas [Ichi Rittoru No Namida], também chamado de Diário de Lágrimas.


    
     Vou dizendo que eu nunca tinha visto um dorama antes e que também eu não gosto de histórias tristes e muito menos de dramas, mas esse realmente eu recomendo. Não porque ele vai te deixar triste, ou dependendo do seu nível emocional vai chorar. É pela história de vida e de superação dessa menina, que é a personagem principal, a Aya Ikeuchi. Este dorama te faz chorar e por mais frio que vc possa ser, vai refletir sobre a vida.
    Cara a história é emocionante, depois de assistir a gente começa a "meditar" sobre certas coisas e também a gente chega a conclusão de quanto a gente é "pequeno" como pessoa, perto de exemplos de vida que são outras, como a Aya deste doroma.
     Esse doroma é baseado no diário que ela escreveu enquanto esteve viva. Isso aconteceu de verdade com uma pessoa e é isso que mais toca a gente quando assistimos. Sério, vale a pena ver, mas que você vai ficar bem triste, isso vai.



Vou colar a sinopse, e nesse blog (http://doramaichirittoru.blogspot.com/2009/06/download-episodios-mediafire.html)  é onde vc pode baixar e ver, são 11 episódios.


SINOPSE

Aya é uma menina de 15 anos, filha de uma família simples. O pai, que possui uma loja de tofu, a mãe, Shioka,que é higienista e os três irmãos, Ako, Hiroki E Rika. Entretanto, a vida de Aya vai, aos poucos mudando, ao perceber que tem levado tombos freqüentemente e anda de um modo estranho. A mãe, Shioka, pede para que Aya vá ao médico para ser examinada.

O médico informa que Aya tem Degeneração Espinocerebelar - uma doença que deteriora o cerebelo gradualmente até o ponto que a vítima não pode andar, falar, escrever, ou comer. A doença não afeta a mente nem a memória.

A partir daí começa uma luta desesperada de sua família e amigos à procura de uma chance de cura para Aya.




Esta é a Aya do dorama, interpretada pela atriz japonesa, Erika Sawajiri.

 


Esta é a Aya de verdade que morreu aos 25 anos de idade.


Essa é a música, tema de abertura desse dorama, nesse MV (music video) tem bastante cenas de "1 Litro de Lágrimas".

Então tá pessoal, tá dada minha dica de uma história de vida, exemplo de amor, luta e perseverança. Os diários da Aya, ainda hoje, inspiram pessoas no mundo todo, ele é indicado, inclusive por especialistas da área médica e psicológica.

8 comentários:

Crybbon disse...

Ah , só de ler a sinopse fiquei triste...Ela morreu jovem.

RAFE disse...

Morreu, mas ela lutou muito e estava sempre sorrindo.

Elba Mara Mendonça disse...

eu vi e tudo tava indo bem , só uma história triste depois eu comecei a chorar no ultimo episódio eu chorei tanto que minha cabeça doeu . Depois disso evito qualquer drama japones , mas uma coisa tem total razão na matéria , este dorama te faz pensar na vida. Eu indicaria por essa lição de vida , deste dorama. Vale a pena ver.

c8ris disse...

ai eu ja vi mas em manga quero muito um pra min ^^ adorei

RAFE disse...

Elba, minha irmã viu comigo e sei do que vc está falando, ontém ela ficou com dor de cabeça também, de tanto chorar. Pra mim, o episódio que mais me marcou foi o 6, quando a irmã dela dá uma lição de moral no irmão delas por ele estar com vergonha da irmã com problemas. Aquilo ficou marcado.

RAFE disse...

Oi c8ris ouvi falar que tem um mangá dessa história mesmo. Mas me disseram que o mangá não emotiva tanto quanto o doroma. ^^

Dayla Assuky disse...

gostei da indicação, quando tiver um tempinho vou assistir. amo historias com grande moral, afinal, acho que falta muito disso neste mundo atual artificial e preconceituoso.

RAFE disse...

Assista mesmo Dayla, é uma história triste, mas é muita bonita e de grande valor.